Marchina

 

Licenciada em Educação Física pela Universidade de São Paulo em 1975, com Pós Graduação em Técnica Desportiva. Realizou Curso de Extensão Universitária em Personal Training.

 

Especializou-se em Dança na Duke University em Durhan, Carolina do Norte. Realizou cursos de Especialização em Sapateado Americano nos Estados Unidos com diversos profissionais de renome.

 

Participou do 1º. Tap Dance Teachers Institute, no Colorado, também nos Estados Unidos, se tornando membro em 1998.

 

Autora do tema desenvolvido no I Congresso Dança Educação Física em 1983, em São Paulo, intitulado “Coordenação e Ritmo no Sapateado Americano”.

 

Professora, Coreógrafa e Bailarina Sapateadora, criou seu próprio Método de ensino de Sapateado Americano, profissão que a consagrou no âmbito artístico, não apenas no Brasil, mas também na Europa e Estados Unidos.

 

Em 1987 lança no mercado a apostila “Nomenclatura do Sapateado Americano” de sua própria autoria. Foi professora convidada para a realização de Palestra e Aula de Sapateado, para os alunos de graduação e do curso técnico  da Faculdade de Educação Física de Guarulhos por diversos anos.

 

Constantemente convidada a participar de convenções, palestras, aulas e oficinas de dança e também como jurada, em eventos e festivais de renome internacional, destacando-se o FESTIVAL DE DANÇA DE JOINVILLE.

 

Fundadora, diretora, coreógrafa e sapateadora do 1ª. Companhia de Sapateado Americano do Brasil, o BRASIL TAP DANCE, ativo de 1978 a 1990. Formou uma nova Companhia em 1990,  a Cia MMWING, em parceria com Elisângela Marsullo e depois, em 1999, a Companhia MARCHINA ON TAP.

 

Atualmente, faz parte da equipe do Studio de Sapateado, onde trabalha a técnica do Sapateado Clássico com seus alunos. 

 

Entre as diversas entrevistas e programas de TV que participou, destacam-se  o documentário sobre a dança no programa INDÚSTRIA CULTURAL, na rede Cultura de TV, em 1999; também escreveu para a Revista DANÇA & CIA na coluna Cantinho do Sapateado, por anos.

 

Sua metodologia foi divulgada em diversas cidades por onde passou, no Brasil e no exterior.

 

Teve diversas coreografias premiadas em festivais no Brasil e também na Itália e Suíça. Seu primeiro trabalho coreográfico, foi com o GRUPO DE DANÇA CASA FORTE, sob a direção do professor Edson Claro, em uma época onde o sapateado americano não era tão difundido, no início dos anos 1980. Este trabalho  foi considerado um grande alavancador do sapateado no país.

 

Em 2014, Marchina foi a grande Homenageada do Evento TAP IN RIO, promovido por Steven Harper e Adriana Salomao, , onde recebeu os Parabens pelos seus mais de 30 anos dedicados a arte de Sapatear.